Skip to content
Entre Crie sua conta

Diga sim para conquistar seus objetivos
Dicas sobre como organizar seu dinheiro, sair do vermelho, fazer seu dinheiro render e entender o mercado.

Acesse

Conheça a biblioteca

Diga sim para crescer como empreendedor
Conteúdos práticos sobre como organizar as finanças do seu negócio, começar a empreender, administrar seu negócio e vender mais

Acesse

Conheça a biblioteca

Diga sim para expandir sua empresa
Conhecimento sobre como impulsionar suas vendas, gerenciar e expandir sua empresa e insights de mercado

Acesse

Conheça a biblioteca

Diga sim para tecnologia descomplicada
Conteúdos sobre conta grátis, crédito, venda online e física, Pix e tutoriais Mercado Pago

Acesse

Conheça a biblioteca

Como quitar dívida de cartão de crédito

Conheça as estratégias de planejamento para acabar com seus débitos de uma vez por todas
Mesa cheia de papel, com notebook e uma mulher tocando em um tablet e outra mulher ao lado

Saber como quitar dívida de cartão de crédito é o primeiro passo para diminuir o descontrole financeiro e conquistar uma vida financeira saudável. Mas será que isso é difícil? Segundo um mapeamento do Serasa, mais de 60 milhões de brasileiros estão inadimplentes, sendo que a principal causa disso é justamente o cartão de crédito. 

Se você também faz parte dessa estatística, fique tranquilo, a seguir, separamos dicas de planejamento e organização para você conseguir quitar as dívidas de cartão de crédito. 

 

O que acontece quando você não paga a dívida do cartão de crédito?

Antes de falarmos sobre as estratégias para quitar dívida de cartão de crédito, é preciso ressaltar que quando você deixa de pagar a sua fatura está sujeito a pagar taxas de juros elevadas. De acordo com o Banco Central, os juros rotativos do cartão de crédito podem chegar a taxas de 300% a 400% ao ano, dependendo das instituições financeiras. 

Ou seja, isso mostra o quanto o não pagamento de uma fatura de cartão aumenta sua dívida, o que pode ficar cada vez pior ao longo dos meses, se providências não forem tomadas. 

 

Saiba como quitar dívida de cartão de crédito com 5 dicas

O primeiro passo para começar a quitar a dívida do cartão de crédito é observar o valor que está em aberto e o quanto do seu salário e economias podem ser usados para o pagamento. É importante saber seu saldo devedor para começar a traçar uma estratégia. 

Nessa etapa, entre em contato com a emissora do cartão e solicite o Custo Efetivo Total da Dívida (CET). Com ele, você saberá realmente o que está devendo - isso inclui o valor devedor e as taxas de juros praticadas. 

Feito isso, confira outros passos simples para entender como quitar dívida de cartão de crédito: 

1. Concentre-se nas dívidas com juros altos


Observe atentamente as dívidas de cartão de crédito que você possui e analise quais são as taxas de juros praticadas por cada instituição. Uma estratégia é focar primeiro nas cobranças com taxas de juros mais altas, assim evita que elas continuem aumentando e dificultem ainda mais os pagamentos. 

2. Pague o valor integral do cartão com menor valor


Outra forma de começar a quitar as dívidas é pagar o valor integral do cartão que tenha o menor valor. Por exemplo, você tem um cartão com dívida em aberto de R$ 1.000 e outro com R$ 500, comece pelo segundo valor.  Dessa forma, no próximo mês, você se concentre 100% no cartão mais caro e aumente as chances de quitá-lo.

3. Parcele a fatura antes da data de vencimento  

 

Caso não consiga fazer o pagamento integral, procure realizar o parcelamento da fatura antes do vencimento. Lembrando que essa data, diferente do dia de fechamento, é quando você precisa quitar as pendências para os juros não começarem a ser cobrados. Ou seja, o parcelamento antes do vencimento é uma forma de evitar os juros rotativos do cartão. 

4. Evite novas compras parceladas


Enquanto você negocia e faz os pagamentos das dívidas do cartão de crédito, é importante evitar novas compras, pois isso pode te levar ao descontrole financeiro, considerando que acumulando parcelamentos, você perde o foco e fica ainda mais endividado.

É essencial lembrar sempre que o objetivo é quitar as dívidas e organizar a vida financeira. Por isso, você não vai querer assumir mais uma conta, não é mesmo?

5. Considere consolidar suas dívidas


Consolidação de dívidas significa unificar tudo que deve em apenas uma pendência. Assim, você se compromete apenas com um valor a ser pago e, dependendo das condições que a instituição financeira te propor, poderá parcelá-lo. Por exemplo, às vezes, vale a pena fazer um empréstimo sem juros ou com taxas menores e quitar as dívidas mais altas. 

 

Fique atento ao uso do cartão de crédito e se livre das dívidas

Com ou sem juros elevados, o cartão de crédito é um recurso que precisa ser controlado. Por isso, é tão importante saber como quitar as dívidas. Com as estratégias, aos poucos, você vai pagar tudo o que deve, começar a economizar e evitar gastar mais do que ganha. 

Conte com um cartão de crédito sem anuidade e com juros acessíveis para uma vida financeira tranquila.

 

Nova call to action


Escrito por:

assinatura_equipe

Artigos relacionados