Skip to content
Entre Crie sua conta

Diga sim para conquistar seus objetivos
Dicas sobre como organizar seu dinheiro, sair do vermelho, fazer seu dinheiro render e entender o mercado.

Acesse

Conheça a biblioteca

Diga sim para crescer como empreendedor
Conteúdos práticos sobre como organizar as finanças do seu negócio, começar a empreender, administrar seu negócio e vender mais

Acesse

Conheça a biblioteca

Diga sim para expandir sua empresa
Conhecimento sobre como impulsionar suas vendas, gerenciar e expandir sua empresa e insights de mercado

Acesse

Conheça a biblioteca

Diga sim para tecnologia descomplicada
Conteúdos sobre conta grátis, crédito, venda online e física, Pix e tutoriais Mercado Pago

Acesse

Conheça a biblioteca

Juntar dinheiro: saiba tudo sobre o desafio das 52 semanas

Conheça o método que vai te ajudar a ter disciplina para economizar durante um ano ou mais
Um casal sentado em um sofá e olhando para a tela de um celular.

Você já se decidiu: quer começar a guardar dinheiro o quanto antes. Mas, ao pesquisar melhor sobre o assunto, descobriu que existem diversas estratégias diferentes para fazer isso, inclusive muitas delas parecem soluções milagrosas, não é mesmo? 

Para fazer a escolha certa e não cair em nenhuma promessa duvidosa, é importante conhecer métodos eficientes e, antes de começar, é fundamental entender se faz sentido para o seu perfil e realidade de vida no momento. Entre tantas possibilidades, uma das mais famosas e simples para quem está começando é o desafio das 52 semanas. Descubra mais sobre como ele funciona a seguir. 


O que é o desafio das 52 semanas?

O desafio das 52 semanas é uma estratégia para você conseguir poupar dinheiro ao longo de 52 semanas, que nada mais é do que um ano exato. O objetivo é que depois desse período você tenha, no mínimo, R$ 1.378 guardados. E o melhor: você começa com apenas R$ 1 na primeira semana.

Parece bom demais para ser verdade? A ideia é bem simples e realmente ficou famosa pelo baixo investimento inicial. 

Funciona assim: você guarda R$ 1 - ou o valor que desejar - na primeira semana. É recomendável começar com pouco e ir aumentando o valor da economia a cada semana. Se você decidir começar com R$ 1, pode guardar R$ 2 na segunda semana, R$ 3 na terceira e, assim, por diante, até poupar no mínimo R$ 52 na última semana. Ou seja, você aumenta R$ 1 toda semana.

Veja como fica esse planejamento em um exemplo das primeiras 10 semanas do desafio



Semanas Dinheiro guardado Valor total
1 R$ 1 R$ 1
2 R$ 2 R$ 3
3 R$ 3 R$ 6
4 R$ 4 R$ 10
5 R$ 5 R$ 15
6 R$ 6 R$ 21
7 R$ 7 R$ 28
8 R$ 8 R$ 36
9 R$ 9 R$ 45
10 R$ 10 R$ 55



Se você perceber que pode guardar um pouco mais por semana, outra opção é começar com um valor mais alto. Por exemplo, se começar com R$ 5, você terá acumulado R$ 1.586. no final do desafio. Apesar do desafio durar 52 semanas, você também pode prolongá-lo por quanto tempo desejar. O ideal é encontrar um valor que funcione pra você, sem apertar o orçamento. 


Como começar o desafio das 52 semanas e não desistir do método? 

Para não se perder no meio do caminho, vale a pena contar com algumas ferramentas que podem te ajudar a começar o desafio e ir até o fim. Hoje em dia, existem aplicativos que permitem que você coloque o valor inicial e encontre sempre novas sugestões ou, ainda, tabelas que te ajudam a ter uma visão geral de quanto guardar a cada semana e de quanto dinheiro terá ao longo do processo.

Vale destacar que um ponto positivo dessa economia é que ela não pode prejudicar suas finanças pessoais. Para ter certeza disso, você só precisa estipular um valor que não comprometa sua organização. 

Se você não quer perder o controle do seu planejamento e deseja manter-se sempre disciplinado, você pode ter em mente um objetivo, basta pensar em possibilidades para o dinheiro guardado, por exemplo fazer a tão sonhada viagem ou alguma compra mais cara com um pagamento à vista. 

Com isso, você também evita deixar de economizar em alguma semana ou abrir exceções desnecessárias que podem fazê-lo diminuir ou, até mesmo, desistir das contribuições semanais. A verdade é que, aos poucos, vai ficando cada vez mais fácil equilibrar os gastos e fugir das compras por impulso, já que a tabela do desafio das 52 semanas é para te deixar mais comprometido e motivado. 


Já pensou em fazer esse dinheiro render? 

Pensando que o dinheiro economizado não será usado durante o desafio, no mínimo, uma boa ideia é investi-lo e fazer com que ele renda. Nesse caso, as melhores soluções são as de baixo risco, que têm rendimento maior do que a poupança. Um bom exemplo são as contas que rendem 100% do CDI.

Com essa opção, a vantagem é que você não precisa fazer nada, afinal o dinheiro guardado na conta rende todo mês de forma automática. É isso mesmo, basta deixar o dinheiro na conta, trabalhando para você durante o desafio.  

👉 Leia também: Conta Mercado Pago x conta poupança: qual rende mais? 


Aproveite o desafio para começar a economizar dinheiro 

A ideia do desafio das 52 semanas é ajudar com sua organização financeira, permitindo que você  crie o hábito de guardar dinheiro de uma forma simples, com baixo investimento inicial e, até mesmo, divertida. Se esse é o seu objetivo, que tal começar essa semana mesmo? Afinal de contas, você pode começar com apenas R$ 1 e, ainda, tem a opção de fazer suas economias renderem.

 

Pillar - Planejamento financeiro


Escrito por:

assinatura_equipe

Artigos relacionados